Dom Odilo faz recomendações contra nova gripe nas Missas


O Arcebispo metropolitano de São Paulo, Cardeal Odilo Pedro Scherer, divulgou nesta quinta-feira, 23, uma nota com recomendações para evitar o contágio com a gripe A (H1N1) durante as Celebrações da Missa, no desejo de colaborar com as autoridades sanitárias na prevenção da doença.

Na nota, dirigida aos bispos, padres, diáconos e ministros extraordinários da arquidiocese, Dom Odilo sugere iniciativas como a de não dar as mãos durante a oração do Pai Nosso e evitar a saudação da paz, e orienta, ainda, que a Comunhão seja recebida nas mãos.

Leia a nota na íntegra

Aos Ex.mos Bispos Auxiliares, aos Rev.mos Padres e Diáconos
E aos Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão
da Arquidiocese de São Paulo

Saúde e paz para todos!

Tendo em vista a difusão do vírus H1N1, responsável pela “gripe suína”, mesmo sem haver motivo para pânico nem temores excessivos, no desejo de colaborar com as autoridades sanitárias na prevenção da doença e visando o bem e a saúde do povo, faço as seguintes recomendações para que sejam levadas em consideração em toda a Arquidiocese de São Paulo enquanto perdurar o surto da nova gripe e ela não tiver sido devidamente controlada:

1.O povo seja orientado sobre as medidas preventivas para evitar, de modo geral, o contágio com a doença e sobre o modo de tratá-la, se for o caso; para isso, sigam-se as instruções das autoridades sanitárias competentes (cf. http://www.saude.gov.br); sendo uma boa ocasião para falar dos cuidados essenciais da saúde, aproveitem-se para isso todos os encontros e reuniões pastorais;
2.Nas celebrações litúrgicas seja evitado o gesto de dar-se as mãos durante a oração do Pai Nosso; da mesma forma, evite-se saudação da paz;
3.A Sagrada Comunhão seja recebida preferencialmente nas mãos;
4.A distribuição da Sagrada Comunhão nas duas espécies seja evitada.

A exemplo de Jesus, que tratou com imensa ternura e compaixão todos os doentes, tenhamos também nós grande atenção pastoral para com todos os enfermos; com frequência, seja celebrada também a S.Missa na intenção deles, conforme formulários previstos no Missal.

Fazendo votos de boa saúde para todos, aproveito a ocasião para saudá-los e para lhes desejar todo o bem!

Card. D. Odilo P. Scherer
Arcebispo de São Paulo