PT pune dois deputados por serem contra o aborto


O Diretório Nacional do PT decidiu na noite desta quinta-feira punir os deputados federais Luiz Bassuma (BA) e Henrique Afonso (AC) por contrariarem orientação do partido para defesa da descriminalização do aborto.

Por unanimidade, os dois parlamentares tiveram seus direitos partidários suspensos –Bassuma, por 1 ano, e Afonso, por 90 dias.

Com a decisão do Diretório Nacional, os dois parlamentares ficam impedidos de votar e fazer discursos em nome do partido.

Bassuma ainda corre o risco de não poder tentar a reeleição no ano que vem.

[BEM QUE DISSE JESUS, QUE QUEM ESTIVESSE COM ELE IRIA SER PERSEGUIDO. MAS SÃO ESTES OS BEM-AVENTURADOS. A IGREJA NÃO DEVE APOIAR A POLÍTICA, MAS, SE TEVE ESTE INFELIZ FEITO, NÃO PODERIA SER OUTRO PARTIDO QUE FOSSE A FAVOR DA VIDA? E AGORA LULA? E AGORA PT? AINDA BEM QUE TEUS DIAS NO GOVERNO JÁ ESTÃO ACABANDO.]