Cada um tem uma missão específica na Igreja e sociedade, diz Papa


“De fato o Senhor chama cada um pelo seu nome e a cada um quer confiar uma missão específica na Igreja e na sociedade”. Estas foram algumas das palavras que, no fim da Missa, nesta segunda-feira, 28, na Igreja de São Venceslau, na cidade de Starà Boleslav, o Papa Bento XVI dirigiu aos jovens da República Tcheca.

Ao falar de Jesus como “amigo”, o Santo Padre ressaltou aos jovens a necessidade de a voz de Cristo: “O Senhor vem ao encontro de cada um de nós. Bate à porta da vossa liberdade e pede para ser escutado como amigo. Quer vos tornar felizes, vos revestir de humanidade e dignidade. A fé cristã é isto: o encontro com Cristo, pessoa viva que dá à vida um novo horizonte imprimindo, assim, a orientação decisiva”.

O Papa convidou os jovens a tomar consciência de que o batismo os constituiu filhos de Deus e membros do Corpo de Cristo que é a Igreja. “Jesus renova constantemente o convite a sermos discípulos e testemunhas. Que os que se sentem chamados à vida matrimonial correspondam à graça deste Sacramento. A sociedade tem necessidade de famílias cristãs, de famílias santas!”, destacou o Papa, que recordou também, neste Ano sacerdotal, a possibilidade de uma chamada ao ministério presbiteral.

“Se o Senhor vos chamar a segui-Lo no sacerdócio ministerial ou na vida consagrada, não hesiteis em responder ao seu convite. Em particular, neste Ano Sacerdotal, dirijo um apelo a vós, jovens! Mantenham-se atentos e disponíveis ao chamado de Jesus a oferecer a vida ao serviço de Deus e do seu Povo”, declarou o Pontífice.

Bento XVI convidou os jovens tchecos a serem “mensageiros da esperança” para a Igreja e para o mundo, recordando o Encontro Mundial da Juventude na Austrália, no ano passado. E lançou ainda o convite para participarem do próximo encontro mundial, em 2011: “Muitos de vós podereis vir a Madrid, em Agosto de 2011. Desde agora vos convido a este grande Encontro dos Jovens com Cristo, na Igreja”.

Após o discurso do Santo Padre, um jovem tcheco fez um breve discurso de testemunho, em nome da juventude do país, assegurando ao Papa que suas palavras foram ouvidas com o coração aberto e que os jovens estão prontos para uma relação mais sólida com Jesus.

.: Leia a íntegra do discurso dos jovens a Bento XVI

Em nome da juventude tcheca, o jovem prometeu seguir os ensinamentos do Papa e o presenteou com um livro de fotografias que retratam a vida dos jovens nas dioceses do país, a atividade das ordens religiosas, dos movimentos e comunidades.

Recordando a Bento XVI seu encontro com os jovens em sua visita à África, em março deste ano, o rapaz expressou a solidariedade da República Tcheca, pertencente à “porção rica do mundo” e entregou ao Pontífice um cheque, fruto de uma coleta organizada pela juventude tcheca em solidariedade com aos mais necessitados da África. E por fim, os jovens tchecos marcaram o encontro com Bento XVI, em Madrid, no ano de 2011, para a Jornada Mundial da Juventude.

Depois da celebração, o Santo Padre foi almoçar na nunciatura apostólica, de onde parte para o aeroporto no final da tarde, chegando a Castel Gandolfo, hoje à noite. O Papa permanece ainda na residência de verão por alguns dias, antes de retornar ao Vaticano.