NOVO DIRETÓRIO ON LINE DA MÍDIA CATÓLICA


Cidade do Vaticano 14 out (RV) – O Pontifício Conselho das Comunicações Sociais junto com o CELAM e Signis realizaram o novo diretório on line dos meios de comunicação católicos, chamado “www.intermirifica.net”. O novo portal católico tem a estrutura do sistema wiki, e apresenta-se como um diretório que os próprios usuários podem completar ou atualizar voluntariamente. Intermirifica.net funciona também como um pesquisador de rádios, televisões ou produtoras, em diferentes idiomas e países.

Os usuários podem colocar dentro do diretório os dados principais dos meios de comunicação: país, idioma, número telefônico, e-mail e página web. O objetivo principal de Intermirifica.net é que todos os meios de comunicação católicos se comuniquem entre eles, intercambiando ideias e projetos comuns. Atualmente o diretório está em espanhol, porém em breve será traduzido em inglês, francês e português. Você pode participar deste diretório católico colocando os dados de algum meio de comunicação, tornando-se um usuário-editor.

Para ser um usuário editor, a pessoa deve registrar seus dados em Intermirifica.net e ser aceito por um dos usuários moderadores. Os dados registrados no sistema pelo usuário-editor são publicados on line, somente se foram verificados pelo usuário-moderador, que pode aceitar, rejeitar ou publicar a informação, dependendo do grupo idiomático. Poderiam ser moderadores os encarregados nacionais dos departamentos episcopais de comunicação, os encarregados regionais de Signis e outras instituições de comunicação católica.

De acordo com o organograma de Intermirifica.net, os usuários editores dependem dos usuários moderadores, e estes por sua vez, dependem dos usuários administradores ou organismos internacionais, promotores deste projeto. O diretório católico “www.intermirifica.net”, que faz referência ao primeiro e único documento do Concilio Vaticano II dedicado às comunicações sociais, tem como objetivo converter-se nas “páginas amarelas dos meios de comunicação da Igreja”. (SP)